Tempo
|
A+ / A-

25 Abril. Sessão solene no parlamento sem restrições após dois anos de pandemia

23 abr, 2022 - 18:57 • Lusa

O parlamento vai assinalar o 48.º aniversário do 25 de Abril com uma sessão solene já sem restrições devido à covid-19, ao contrário do que aconteceu nos últimos dois anos, e estará aberto ao público de tarde.

A+ / A-

O parlamento vai assinalar o 48.º aniversário do 25 de Abril com uma sessão solene já sem restrições devido à Covid-19, ao contrário do que aconteceu nos últimos dois anos, e estará aberto ao público de tarde.

Na segunda-feira, a sessão solene comemorativa do 25 de Abril de 1974 na Assembleia da República terá início às 10:00 e inclui discursos de deputados dos oito partidos com assento parlamentar, por ordem crescente de representatividade, Livre, PAN, BE, PCP, Iniciativa Liberal, Chega, PSD e PS, do presidente da Assembleia da República, Augusto Santos Silva, e do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Pela primeira vez desde o início da pandemia da Covid-19, a Revolução dos Cravos vai ser assinalada sem número limitado de presentes e também sem uso obrigatório de máscara no parlamento - regra que deixou de vigorar na sexta-feira.

De tarde, o edifício do parlamento vai estar aberto ao público, a partir das 15h00, assim como a residência oficial do primeiro-ministro, em São Bento, desde as 14h30, com circulação entre os dois espaços, onde os visitantes poderão entrar até às 18h00.

Na mesma altura, estará a decorrer o tradicional desfile pela Avenida da Liberdade, em Lisboa, promovido por mais de 40 organizações da sociedade civil, partidárias e sindicais, entre as quais a Associação 25 de Abril, PCP, PS, BE, PEV, CGTP e UGT e respetivas estruturas de juventude e também os partidos Livre e Movimento Alternativo Socialista (MAS).

A comissão promotora desde desfile, marcado para as 15h00, pediu aos órgãos de comunicação social para transmitirem pelas 18h00 a canção-símbolo do 25 de Abril "Grândola, Vila Morena" seguida do hino nacional e a todos os que possam para cantarem às janelas e varandas estas duas músicas, como nos dois anos anteriores de pandemia.

A Iniciativa Liberal voltou a convocar um desfile próprio para as 14h00, a partir da Praça do Duque de Saldanha, em direção à Avenida da Liberdade, ao qual anunciou que se irá juntar a Associação dos Ucranianos em Portugal. Este partido alega que em 2021 tentaram impedir a sua participação nestas comemorações de rua.

Nos jardins do Palacete de São Bento, residência oficial do primeiro-ministro, o 25 de Abril vai ser celebrado com um programa cultural para várias idades, que inclui dança, música e uma exposição de cartazes da revolução e termina com um concerto de Dino d"Santiago.

No Palácio de São Bento, o presidente da Assembleia da República, Augusto Santos Silva, estará presente para receber os cidadãos a partir das 15h00 e convidou todos a visitarem a "casa da democracia".

O Presidente da República vai deslocar-se a Espanha hoje à tarde, para participar na cerimónia de depósito do legado de José Saramago, Prémio Nobel da Literatura em 1998, na Caja de las Letras do Instituto Cervantes, em Madrid.

Tópicos
Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+