Tempo
|
A+ / A-

Jerónimo de Sousa afirma que caso dos manifestantes russos em Lisboa é "grave"

10 jun, 2021 - 14:04 • Lusa

Fernando Medina já confirmou a partilha de dados pessoais de três ativistas presentas numa manifestação de apoio ao opositor russo Alexey Navalny, que decorreu em Lisboa.

A+ / A-

O secretário-geral do PCP afirmou esta quinta-feira, em Santarém, que, a confirmar-se, "tem gravidade" a prestação, pela Câmara de Lisboa, de informação à Rússia sobre cidadãos daquele país que organizaram uma manifestação na capital portuguesa.

"Com toda a prudência que resulta do desconhecimento dos factos, a confirmar-se, creio que tem gravidade e que nesse sentido se coloca a necessidade do apuramento de responsabilidades dos factos e depois, naturalmente, que se decida em conformidade com essa investigação tendo em conta a sensibilidade e a gravidade da questão que está colocada", declarou Jerónimo de Sousa.

Fernando Medina já confirmou, esta tarde, a partilha de dados de três ativistas presentas numa manifestação de apoio ao opositor russo Alexey Navalny e expressou "um pedido de desculpa público" aos promotores do protesto. "Foi um erro lamentável que não devia ter acontecido". defendeu o autarca.

O secretário-geral do PCP, que hoje visitou a Feira Nacional da Agricultura, que decorre até domingo no Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas (CNEMA), em Santarém, recusou "fazer juízos de valor apressados" antes do "apuramento da verdade", de ser apresentada a "argumentação por parte dos responsáveis da Câmara Municipal de Lisboa".

"Nestas matérias tão sensíveis, mais vale estarmos sustentados nesse apuramento da verdade do que em tal ou tal sentimento", declarou.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+