Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Porto. Um ferido grave e agentes da PSP assistidos após incêndio em apartamento

03 abr, 2024 - 11:54 • Lusa

Até ao momento, de acordo com a Proteção Civil, são desconhecidas as causas do fogo.

A+ / A-

Um incêndio, que deflagrou esta quarta-feira num apartamento em Ramalde, no Porto, provocou um ferido grave e dois agentes da PSP foram assistidos por inalação de fumo, disse à Lusa fonte do Comando Sub-Regional da Área Metropolitana do Porto.

A vítima, um homem de 54 anos, sofreu queimaduras graves e foi transportado para o Hospital de São João, no Porto.

Dois agentes da PSP, que resgataram o ferido antes da chegada dos meios de socorro, tiveram de ser medicamente assistidos por inalação de fumo, revelou à Lusa fonte dos Bombeiros Sapadores do Porto.

O alerta para o incêndio, num apartamento do 2.º andar de um prédio localizado na Rua Dom Jerónimo de Azevedo, foi dado às 9h21 e foi "extinto rapidamente", não se tendo propagado às habitações contíguas.

Até ao momento, de acordo com a Proteção Civil, são desconhecidas as causas do fogo.

No local estão os Bombeiros Sapadores do Porto, os Bombeiros Voluntários Portuenses, uma viatura do INEM, duas Viaturas Médicas de Emergência e Reanimação (VMER), uma Unidade Móvel de Intervenção Psicológica de Emergência (UMIPE), bem como a Proteção Civil e a PSP.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+