Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Setúbal

PJ deteve dois suspeitos de tráfico de droga e apreendeu prédio e dois automóveis

22 fev, 2024 - 19:54 • Lusa

Os suspeitos são dois homens, de 39 e 52 anos.

A+ / A-

A Polícia Judiciária de Setúbal deteve dois homens suspeitos de tráfico de droga e apreendeu um prédio e dois automóveis, numa operação com a colaboração da Diretoria de Lisboa e Departamento de Investigação Criminal de Leiria, foi esta quinta-feira anunciado.

Segundo um comunicado do Gabinete de Comunicação da Polícia Judiciária (PJ), na operação policial efetuada na passada terça-feira foi dado cumprimento a 20 mandados de busca, nove domiciliárias e onze não domiciliárias, que culminaram com a detenção de dois homens, de 39 e 52 anos.

Foram ainda constituídas arguidas mais cinco pessoas e apreendidos dois automóveis e um prédio urbano.

De acordo com o comunicado, a investigação teve início em agosto de 2022, na sequência de um alerta para um caso de eventual roubo praticado com arma de fogo, mas que a investigação policial permitiu apurar que se tratava de uma situação relacionada com tráfico de estupefacientes.

A PJ refere ainda que os dois detidos, um dos quais com antecedentes policiais por tráfico de estupefacientes, deverão ser ainda hoje presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação de eventuais medidas de coação.

O comunicado da PJ não revela onde foi efetuada a operação policial nem o tribunal onde os detidos vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial.

A agência Lusa contactou sem sucesso a PJ para obter mais esclarecimentos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+