A+ / A-

Militar ferido em explosão em Tancos foi operado à mão e pescoço e está a recuperar

05 dez, 2023 - 15:40 • Lusa

Militar, internado no Hospital de Santa Maria, Lisboa, deverá ter alta esta terça-feira da unidade de queimados.

A+ / A-

O militar que sofreu ferimentos graves na sequência de uma explosão na segunda-feira, em Tancos, foi operado à mão direita e ao pescoço na noite passada e está a "recuperar favoravelmente", informou esta terça-feira o Exército.

De acordo com o comunicado divulgado pelo Exército, o militar, internado no Hospital de Santa Maria, Lisboa, "previsivelmente terá alta da unidade de queimados no decorrer do dia de hoje".

Na sequência de uma explosão que aconteceu na segunda-feira à tarde no interior do Polígono Militar de Tancos, concelho de Vila Nova da Barquinha (Santarém) o militar sofreu ferimentos graves.

"O alerta para a ocorrência de uma explosão dentro da área militar de Tancos, no Regimento de Engenharia Nº1, foi dado às 15:09, tendo resultado um ferido grave", disse à Lusa na segunda-feira fonte do Comando Sub-Regional do Médio Tejo.

A vítima foi assistida no local pelos elementos da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Médio Tejo e pelos Bombeiros Voluntários de Vila Nova da Barquinha.

Conforme "procedimento obrigatório, foi imediatamente iniciado um processo de averiguações" sobre esta ocorrência.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+