Tempo
|
A+ / A-

Mais de 3.500 professores aposentados em 2023

08 nov, 2023 - 19:10 • Fátima Casanova

É o número mais alto da última década. A corrida às aposentações intensificou-se no início deste ano letivo. Em dezembro saem da escola pública 371 docentes e educadores.

A+ / A-

O ano 2023 fecha com a saída de 3.521 professores e educadores do sistema público de educação. É o número mais alto da última década e a que se chegou nesta quarta-feira depois de publicadas as listas da Caixa Geral de Aposentações, que revelam que em dezembro saem da escola pública 371 docentes e educadores.

A corrida às aposentações intensificou-se no arranque deste ano letivo. Desde setembro, os números mensais de quem segue para a reforma têm sido sempre superiores às três centenas (386 em setembro, 340 em outubro e 318 em novembro).

O certo é que, fazendo contas, às saídas mensais, 2023 perdeu 3.521 professores e educadores.

Para encontrar um número mais elevado é preciso recuar até 2013, quando as aposentações ultrapassaram as 4.600 (4.628), de acordo com os dados recolhidos por Arlindo Ferreira e que estão publicados no blogue deste professor.

O valor a que se chegou não é uma surpresa para Arlindo Ferreira, que em 2018 antecipou que deveriam aposentar-se este ano, 3.515 docentes, apenas menos seis do que veio a ocorrer.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+