Tempo
|
A+ / A-

Incapacidade do Hospital de Braga põe em causa "segurança dos doentes"

08 nov, 2023 - 16:22 • Ana Fernandes Silva

Bastonário da Ordem dos Médicos revela "enorme preocupação" com o cenário nas urgências de cirurgia.

A+ / A-

O bastonário da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes, disse esta quarta-feira que está muito preocupado com a situação no Hospital de Braga, destacando que a segurança dos doentes pode estar em risco.

"O Hospital de Braga não tem capacidade de atendimento de doentes urgentes na área da cirurgia", alertou Cortes esta manhã, durante uma visita àquele hospital, onde manteve reuniões com a administração e clínicos.

Carlos Cortes revela uma "enorme preocupação" com a situação e afirma que "a segurança dos doentes pode estar comprometida".

"Está a ser exercida uma pressão inadmissível sobre os médicos de determinadas especialidades para fazerem um trabalho que não lhes compete", denuncia o bastonário.

Carlos Cortes revela ainda que há hospitais que estão a recusar receber utentes que são reencaminhados de Braga. "Estão a ser criadas dificuldades ao Hospital de Braga. que quer enviar esses doentes para hospitais de referência, nomeadamente hospitais do Porto".

O bastonário apela à administração do hospital e à direção executiva do Serviço Nacional de Saúde (SNS) que “resolvam já hoje esta situação grave de insuficiência de resposta".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+