A+ / A-

Incêndios. É preciso "manter a guarda" até outubro, diz MAI

30 ago, 2023 - 15:51 • Lusa

José Luís Carneiro lembra que, após baixa de temperaturas, termómetros deverão voltar a subir.

A+ / A-

O ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, alertou esta quarta-feira que, face às oscilações das condições meteorológicas até outubro, é necessário “manter a guarda e manter toda a atenção” para prevenir incêndios.

“Vamos ter períodos de baixa temperatura, vamos ter depois períodos de subida da temperatura até outubro e temos de manter a guarda e manter toda a atenção e comportamentos e atitudes de responsabilidade”, disse hoje, em declarações à agência Lusa, o governante, no Fundão, à margem da assinatura do contrato de cooperação interadministrativo para a remodelação e ampliação do edifício do Destacamento Territorial da GNR na cidade.

O ministro da tutela sublinhou que é comum nesta altura a queima de sobrantes de trabalhos agrícolas, queimas de restolho, limpezas, e apelou à população para que não execute esses trabalhos em dias em que o risco de provocar ignições é maior.

“A recomendação é que evitem fazer esses trabalhos em dias de especial alerta. Quando decidirem fazê-lo, devem fazê-lo após o contacto com a autoridade municipal de proteção civil, com os bombeiros ou com as juntas de freguesia”, vincou José Luís Carneiro.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+