A+ / A-

Fecho noturno da urgência pediátrica de Loures motiva reunião entre autarcas e Governo

07 mar, 2023 - 06:20 • Lusa

A decisão de encerramento motivou a aprovação de moções nas câmaras de Loures e de Mafra, por unanimidade. Em causa, a falta de pediatras.

A+ / A-

Os presidentes das câmaras de Loures, Odivelas, Mafra e Sobral de Monte Agraço, concelhos do distrito de Lisboa servidos pelo Hospital Beatriz Ângelo (HBA), reúnem-se esta terça-feira com o ministro da Saúde sobre o encerramento noturno da urgência pediátrica da unidade.

Desde quarta-feira passada que a urgência pediátrica do hospital de Loures passou a funcionar apenas de segunda-feira a sexta-feira, entre as 9h00 e as 21h00, devido à falta de pediatras.

A decisão de encerramento motivou a aprovação de moções nas câmaras de Loures e de Mafra, por unanimidade.

Entretanto, os chefes de equipa do Serviço de Urgência Geral do HBA apresentaram a sua demissão devido à falta de condições, que dizem pôr em causa a segurança dos doentes e dos profissionais.

O Governo prometeu apresentar esta semana o plano para o funcionamento regular das urgências de pediatria de toda a Área Metropolitana de Lisboa.

A população que recorre à urgência pediátrica do Hospital Beatriz Ângelo deve passar a usar os serviços que se mantêm abertos, como os do Hospital de Santa Maria, do Hospital Dona Estefânia ou do Hospital de São Francisco Xavier, todos em Lisboa.

O encontro com o ministro Manuel Pizarro está marcado para as 12h00, no Ministério da Saúde, em Lisboa.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+