Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

​Unidades móveis terão dois polícias e em articulação com polícia municipal

28 jul, 2022 - 15:26 • Cristina Nascimento

Novas estruturas entram em funcionamento esta quinta-feira à tarde, uma no Porto, outra em Lisboa. Já se sabe onde vão estar a que horas.

A+ / A-

As unidades móveis de atendimento da PSP entram em funcionamento esta quinta-feira à tarde, a partir das 16h00, e cada uma terá dois polícias.

Segundo o ministro da Administração Interna, que na conferência de imprensa após o Conselho de Ministros deu conta de alguns pormenores sobre estas novas estruturas.

A unidade de Lisboa vai estar entre as 16h00 e as 20h00 na Praça do Comércio; depois entre as 21h00 e as 24h00 no Rossio. Durante a madrugada, até às 4h00 estará na Praça Luis de Camões e depois, das 4h00 às 8h00, no Cais do Sodré.

Já a do Porto, vai estar entre as 16h00 e as 24h00 na Praça da Batalha e depois, até às 6h00, na Praça Gomes Teixeira.

O governante explicou ainda “cada unidade terá dois polícias, um polícia que faz o atendimento e um polícia que cuida das questões de segurança do espaço, em articulação com o seu colega”, admitindo que pode haver dias em que estas unidades móveis funcionarão “com mais do que dois policias”.

Já sobre a forma “como se deslocará no meio urbano, será objeto de articulação operacional entre os Comandos Metropolitanos e as Polícias Municipais”, acrescentou.

O ministro referiu também que "as unidades móveis pretendem manter elevados níveis de proximidade com os cidadãos".

José Luis Carneiro explicou ainda que as unidades móveis fazem parte da estratégia de segurança urbana que "brevemente" será divulgada e que, neste âmbito, "conta com outros instrumentos que pretendem revalorizar, nomeadamente, os contratos locais de segurança, os progranas Noite Segura, Escola Segura, Idosos em segurança".

O ministro da Administração Interna referiu que "foi necessário antecipar" a medida das unidades móveis da PSP, porque quiseram resposta a uma "preocupação dos autarcas de Lisboa e do Porto"

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+