Tempo
|
A+ / A-

Pandemia

Covid-19. Confirmação de contactos de risco pode ser feita com teste de antigénio profissional

13 jan, 2022 - 19:37 • Redação com Lusa

Atualização da norma da DGS prevê, pela primeira vez desde o início da pandemia, que os contactos com infetados, que tenham efetuado autoteste devem confirmar o resultado com testes de antigénio profissionais. Até aqui, a única possibilidade era o PCR.

A+ / A-

Veja também:


Os testes de antigénio profissionais passam a ser válidos para despiste de contactos de alto e baixo risco com casos confirmados de Covid-19, anunciou esta quinta-feira a Direção Geral da Saúde (DGS).

Segundo a atualização da norma para a confirmação de infeção, após um contacto de risco, a DGS esclarece que quem tenha feito um autoteste tem a possibilidade de confirmar o resultado com um teste rápido de antigénio (TRAg) profissional ou através de um teste PCR, tal como estava determinado pela versão anterior da norma.

Este teste de confirmação, exigido seja qual for o resultado do autoteste, deve ser realizado preferencialmente no prazo de 24 horas, segundo a norma atualizada esta quinta-feira.

A DGS clarificou ainda a orientação relativa aos bares e discotecas e diz que o acesso só pode ser feito com apresentação de teste negativo, seja qual for o dia da semana e o horário, mas podem ser usados autotestes à entrada.

Na norma sobre a estratégia nacional de testes para SARS-CoV-2, a DGS define também que nas pessoas sintomáticas com suspeita de infeção, independentemente do estado vacinal, devem realizar TRAg ou TAAN. As que fizerem autoteste e o resultado for negativo, devem confirmar com TRAg ou TAAN no prazo de 24 horas.

Já as pessoas sem reforço da vacina e que queiram visitar utentes internados em estabelecimentos de saúde, lares ou instituições de apoio e acolhimento a populações mais vulneráveis e estabelecimentos prisionais precisam de fazer teste. Se fizerem autoteste e o resultado for positivo, devem realizar TRAg ou TAAN de confirmação em 24 horas e serão estes os resultados que valem.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+