Tempo
|
A+ / A-

Pandemia

Covid-19. Governo admite regresso ao teletrabalho parcial, máscara obrigatória e reforço da testagem

17 nov, 2021 - 19:05 • Redação

Secretário de Estado Adjunto e da Saúde considera natural que haja "um reforço acentuado daquilo que são medidas que já hoje temos". Lacerda Sales sublinha, no entanto, ser preciso ainda aguardar pela opinião dos peritos, na reunião de sexta-feira no Infarmed.

A+ / A-

Veja também:


O Governo admite o regresso ao teletrabalho parcial, bem como o uso obrigatório de máscara mesmo no exterior e, ainda, o reforço da testagem.

As medidas foram antecipadas na tarde desta quarta-feira pelo secretário de Estado Adjunto e da Saúde.

Em declarações registadas pela RTP3, António Lacerda Sales admite que as medidas poderão ser adotadas pelo Governo a partir de sexta-feira, para responder à subida no número de novos casos de Covid-19.

“Vamos ouvir os peritos e os técnicos, mas, em função do crescimento a que temos assistido nos últimos dias, é, pelo menos, natural que haja um reforço acentuado daquilo que são medidas que já hoje temos, como seja o uso de máscara, principalmente em espaços fechados. Mesmo em espaços abertos, em que haja grandes conglomerados.

Eventualmente uma testagem mais acentuada será importante e, também, algum nível parcial de teletrabalho”, sublinhou António Lacerda Sales.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+