Tempo
|
A+ / A-

PSP detém suspeito de agredir jovem com gravidade na Baixa do Porto

11 out, 2021 - 13:34 • Lusa

O suspeito de ter espancado um rapaz de 23 anos na Baixa do Porto na madrugada deste domingo foi intercetado e detido pela PSP e é hoje presente ao Tribunal de Instrução Criminal (TIC), disse à Lusa fonte policial.

A+ / A-

O suspeito de ter espancado um rapaz de 23 anos na Baixa do Porto na madrugada deste domingo foi intercetado e detido pela PSP e é hoje presente ao Tribunal de Instrução Criminal (TIC), disse à Lusa fonte policial.

"O suspeito agressor detido tem 21 anos e está a ser presente hoje junto do TIC. O suspeito foi intercetado pelas 04:00 da madrugada de domingo também na Baixa do Porto e foi detido", disse à Lusa fonte da PSP do Porto.

O rapaz de 23 anos foi espancado na madrugada de domingo e foi conduzido em estado grave para o Hospital de Santo António.

"Ele estava inconsciente, inanimado na via pública e recebeu assistência médica no local com equipas do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), que depois o conduziu para o Hospital de Santo António", explicou a mesma fonte policial.

A PSP vai levar hoje o suspeito a ser presente a tribunal (TIC) e comunicou o caso à Polícia Judiciária.

A Lusa contactou o Hospital de Santo António para saber o estado de saúde do rapaz ferido com gravidade, mas ainda não foi possível obter informações até ao momento.

O caso ocorreu na zona de Passos Manuel, na Baixa do Porto, cerca das 03:00 da madrugada de domingo, e embora a agressão não envolvesse armas de fogo, será a Polícia Judiciária, "à partida", a apurar os contornos do sucedido, com contornos de tentativa de homicídio.

Vários incidentes têm marcado a noite do Porto, mormente aos fins de semana, mas as autoridades não estabelecem, para já, qualquer associação com esses casos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+