Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Macro programação do Portugal 2030 aprovada amanhã em Conselho de Ministros

21 jul, 2021 - 12:23 • Lusa

A linha financeira da União Europeia ascende a 23 mil milhões euros.

A+ / A-

O primeiro-ministro anunciou esta quarta-feira que o Governo vai aprovar na quinta-feira, em Conselho de Ministros, a macro programação do Portugal 2030, linha financeira da União Europeia que ascende a 23 mil milhões euros.

Este calendário do executivo foi transmitido por António Costa no encerramento da sessão de assinatura de um protocolo com o setor social no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) no Palácio Marquês do Alegrete, em Lisboa.

Na sua intervenção, o primeiro-ministro recordou que faz hoje precisamente um ano que, em Bruxelas, durante uma cimeira europeia de cinco dias, foi alcançado em Bruxelas um compromisso em torno do fundo de recuperação e do próximo quadro financeiro plurianual.

"Amanhã [na quinta-feira], o Conselho de Ministros aprovará a macro programação do Portugal 2030", declarou o líder do executivo, numa sessão em que o Governo se fez representar pelos ministros da Saúde, Marta Temido, do Trabalho e da Segurança Social, Ana Mendes Godinho, de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, e do Planeamento, Nelson de Souza.

Na quinta-feira, em Conselho de Ministros, o Governo vai aprovar as dotações globais previstas para os diferentes programas, assim como os objetivos genéricos de cada um.

Na etapa seguinte, o executivo define as medidas de cada um dos programas do Portugal 2030 e começa a negociar o novo quadro financeiro plurianual com a Comissão Europeia.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+