Tempo
|
A+ / A-

Balanço DGS. Dia sem mortes mas mais 2.041 novos casos

04 jul, 2021 - 14:03 • Redação

O número de casos ativos (1.386) tem o maior aumento desde 31 de janeiro.

A+ / A-

Veja também:


Domingo é o quinto dia consecutivo com mais de dois mil casos. Há 2.041 novos infetados pelo coronavírus SARS-CoV-2 em 24 horas, não se registando qualquer óbito, segundo dados da Direção-Geral da Saúde (DGS).

No boletim epidemiológico deste domingo assinala-se que estão internadas 567 pessoas, mais 24, 128 das quais em unidades de cuidados intensivos, mais seis.

Há a registar mais 1.386 casos ativos, sendo o maior aumento desde 31 de janeiro (quando houve 1.684).

O maior aumento de infeções foi registado na faixa dos 20-29 anos, com 508 novos casos.

Por regiões, a área de Lisboa e Vale do Tejo tem 45,5% do total das novas infeções, o Norte 27,7%, o Algarve com 12,4%, o Alentejo 3,1%, os Açores 2,5% e a Madeira com 0,5%.

Os dados divulgados mostram que mais 665 pessoas foram dadas como recuperados nas últimas 24 horas, o que aumenta o total nacional para 833.852.

O número de contactos em vigilância pelas autoridades de saúde é de mais 1.526, totalizando 58.300.

Desde o início da pandemia, em março de 2020, morreram em Portugal 17.112 pessoas e foram registados 889.088 casos de infeção.

A incidência da infeção com o coronavírus SARS-CoV-2 em Portugal continental continua em crescimento, estando nos 194,2 casos por 100.000 habitantes, assim como na totalidade do território que é de 189,4, revelam dados oficiais.

De acordo com o boletim epidemiológico conjunto da Direção-Geral da Saúde (DGS) e do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), o índice de transmissibilidade (Rt) é de 1,16 em todo o território nacional e de 1,17 em Portugal continental.

A nível mundial, a pandemia provocou, pelo menos, 3.974.841 mortos, resultantes de mais de 188,4 milhões de infeções, segundo o balanço diário da agência de notícias francesa AFP.

Mais de 183.416.370 pessoas foram infetadas em todo o mundo pelo novo coronavírus Sars-Cov-2, que causa a doença.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil, com 523.587 mortes e 18.742.025 casos, a Índia, com 402.005 mortes (30.545.433 casos), o México, com 233.580 mortes (2.537.457 casos) e o Peru, com 193.069 mortos (2.063.112 casos).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+