Tempo
|
A+ / A-

Covid-19. Fenprof quer escolas encerradas durante o confinamento

19 jan, 2021 - 15:57 • Lusa

Mário Nogueira lembra a "opinião consensual dos especialistas".

A+ / A-

A Federação Nacional de Professores (Fenprof) defendeu, esta terça-feira, o encerramento das escolas durante o confinamento, para travar a pandemia da covid-19.

"A Fenprof considera que, enquanto durar um confinamento que se pretende geral, as escolas não podem continuar a ser exceção e também deverão encerrar, contribuindo, dessa forma, para travar e inverter o rumo da pandemia", disse o secretário-geral da federação sindical, Mário Nogueira.

Numa declaração aos jornalistas, em Coimbra, Mário Nogueira disse que esta posição da direção nacional da Fenprof, ouvidos os sindicatos federados, tem em conta a "gravíssima situação epidemiológica que se está a viver" em Portugal, bem como a "opinião consensual dos especialistas".

O dirigente sindical lamentou também a "inépcia do Governo para criar as condições indispensáveis ao ensino presencial em segurança".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+