Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Covid-19: Escola de 1.º ciclo encerrada em Sobral de Monte Agraço

26 nov, 2020 - 17:56 • Lusa

Cerca de quatro dezenas de alunos estão em casa em quarentena.

A+ / A-

A escola do 1.º ciclo de Pero Negro, em Sobral de Monte Agraço, está encerrada e os cerca de 40 alunos estão em casa de quarentena, depois de terem surgido quatro infetados pela covid-19, disse hoje o diretor.

O diretor do Agrupamento de Escolas de Sobral de Monte Agraço (distrito de Lisboa), Jorge Nunes, explicou à agência Lusa que a "escola fechou na quarta-feira, porque as duas turmas estão em quarentena", devendo permanecer encerrada durante, pelo menos, 14 dias.

O responsável adiantou que a decisão foi tomada depois de quatro alunos terem teste positivo à covid-19.

Desde que o ano letivo começou, é a primeira vez que uma escola encerra neste agrupamento, onde hoje existem 17 infetados, distribuídos por 17 turmas e por quatro escolas diferentes.

Desde o início da pandemia, Sobral de Monte Agraço contabiliza 210 casos confirmados, dos quais 40 estão ativos, 165 recuperaram. Cinco pessoas morreram.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.422.951 mortos resultantes de mais de 60,4 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 4.209 pessoas dos 280.394 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.


Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+