A+ / A-

União Europeia vai iniciar negociações para adesão da Ucrânia no fim de junho

11 jun, 2024 - 13:15 • João Malheiro

Von der Leyen avançou ainda que o país começa a receber, em julho, o equivalente a 1,5 mil milhões de euros provenientes de ativos congelados russos.

A+ / A-

Ursula von der Leyen afirmou que a União Europeia inicia negociações de adesão com a Ucrânia no fim do mês.

A presidente da Comissão Europeia referiu que Kiev cumpriu todos os passos estabelecidos.

Von der Leyen avançou ainda que o país começa a receber, em julho, o equivalente a 1,5 mil milhões de euros provenientes de ativos congelados russos, além de 1,9 mil milhões do Fundo Ucrânia da União Europeia) já este mês.

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, chegou à Alemanha para se reunir com o chanceler alemão, Olaf Scholz, para participar numa conferência de reconstrução da Ucrânia.

Na conferência de reconstrução, o líder ucraniano frisou que a sua "máxima prioridade" face "ao terrorismo aéreo da Rússia" será encontrar "soluções urgentes para o setor energético da Ucrânia".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+