A+ / A-

Primeiro-ministro belga demite-se depois de pesada derrota eleitoral

09 jun, 2024 - 21:27 • Daniela Espírito Santo com Lusa

Continuam as reações políticas aos resultados desta noite eleitoral europeia.

A+ / A-

O primeiro-ministro da Bélgica irá apresentar a demissão esta segunda-feira, na sequência dos resultados das eleições europeias.

Num dos maiores meios de comunicação social belga, o L'Avenir, Alexander De Croo admitiu a derrota.

"Para nós, foi uma noite particularmente difícil. Perdemos. A partir de amanhã, serei um primeiro-ministro demissionário. Mas os liberais são fortes, voltaremos", prometeu De Croo, após o desaire do seu partido liberal nas eleições federais, regionais e europeias realizadas este domingo.

Segundo as projeções, a sua força, os liberais flamengos, ficou atrás da Nova Aliança Flamenga, de extrema-direita, e do partido social-democrata Vooruit.

Nas redes sociais já se partilham as primeiras imagens do momento, com o primeiro-ministro demissionário visivelmente emocionado.

É a segunda reação política da noite eleitoral, depois de Emmanuel Macron ter dissolvido o Parlamento francês.

[Notícia atualizada às 01h29 de 10 de junho de 2024]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+