Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Argentina. Governo anuncia desvalorização do peso em mais de 50%

13 dez, 2023 - 07:10 • Lusa

O ultaliberal Javier Milei afirma que a moeda nacional "nem sequer serve para adubo” e Governo avança com planos de ‘dolarização’ da economia​, tal como prometido em campanha eleitoral​​​.

A+ / A-

O Governo argentino, liderado pelo ultraliberal Javier Milei, empossado no domingo, anunciou esta quarta-feira uma acentuada desvalorização do peso, a moeda nacional, em mais de 50%, para 800 pesos por dólar.

A decisão pretende estabilizar uma economia fragilizada por uma inflação e dívida crónicas.

A desvalorização da moeda nacional, com o intuito de aumentar o poder de compra, faz parte de uma série de medidas de “emergência” anunciadas pelo ministro da Economia, Luis Caputo, incluindo uma redução dos subsídios públicos à energia e aos transportes.

Durante a campanha eleitoral, Milei defendeu a ‘dolarização’ da economia e exortou os argentinos a não pouparem nem investirem na moeda nacional, que para o agora Presidente “nem sequer serve para adubo”.

A medida é considerada controversa pelos economistas, que alertam para o custo social arriscado.




Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+