A+ / A-

Guerra Israel-Hamas

Hamas adia libertação de reféns e acusa Israel de impedir entrada de ajuda em Gaza

25 nov, 2023 - 17:47 • Diogo Camilo

Para este sábado era esperada a libertação de 13 reféns do Hamas em troca de 39 palestinianos presos em Israel.

A+ / A-

O braço armado do Hamas anunciou este sábado que decidiu adiar a libertação de reféns prevista para este sábado, até que Israel permita a entrada de ajuda no norte de Gaza.

Neste segundo de quatro dias de cessar-fogo era esperada a libertação de 13 reféns do Hamas em troca de 39 palestinianos presos em Israel.

À BBC, um responsável do Hamas acusa Israel de ter bloqueado a passagem de ajuda humanitária para o norte de Gaza e de ter alterado a lista de palestinianos que seriam libertados este sábado.

Em comunicado, a Brigada al-Qassam, citada pela Reuters, indicou que a libertação de reféns seria adiada se Israel não atendesse aos termos acordados para a troca de prisioneiros palestinianos.

Este sábado, o porta-voz militar de Israel assegurou ao canal televisivo francês BFM que o país respeitou ao máximo as tréguas.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+