Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Guerra no Médio Oriente

Partiu de Lisboa avião para recolher portugueses em Israel

09 out, 2023 - 15:00 • Cristina Nascimento

O voo fará uma paragem em Chipre, prevendo-se que possa chegar a Telavive "ao final do dia de hoje", adianta Ministério dos Negócios Estrangeiros.

A+ / A-

Partiu esta segunda-feira à tarde de Lisboa o avião militar português que vai retirar cidadãos nacionais de Israel. A informação foi avançada pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros.

"A aeronave C-130 da Força Aérea Portuguesa já saiu do Aeródromo de Trânsito n.º 1 de Figo Maduro, em direção a Telavive. O voo fará uma paragem em Chipre, prevendo-se que possa estar na capital israelita [Telavive] ao final do dia de hoje", adianta o comunicado da diplomacia portuguesa.

A mesma nota adianta que "os cidadãos nacionais que solicitaram apoio para a saída do país já estão a ser contactados pelos serviços consulares. As condições de operação são dinâmicas e estão em avaliação permanente, tendo como objetivo final a retirada dos cidadãos nacionais que manifestaram interesse em sair do país".

O Ministério refere ainda "que a missão está sujeita às condições no terreno e resulta da articulação permanente com as autoridades locais, estando a ser operacionalizada pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e pelo Ministério da Defesa Nacional".

O avião deverá recolher cerca de uma centena de cidadãos nacionais em Israel.

Nos últimos dias tem subido de tom a escalada de violência no conflito israelo-palestiano. Até ao momento já terá morrido um total de cerca de mil pessoas.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+