Tempo
|
A+ / A-

México

Sobe para 11 número de mortos em desabamento de igreja no norte do México

03 out, 2023 - 12:07 • Lusa

O desastre de domingo foi tão repentino que não houve tempo para retirar pessoas do local.

A+ / A-

O número de mortos no desabamento do teto de uma igreja no domingo, durante uma missa em Ciudad Modero, no nordeste do México, subiu para 11, adiantaram esta terça-feira as autoridades mexicanas.

A mais recente vítima é uma jovem que estava hospitalizada na sequência do incidente, referiu o governo daquele estado mexicano.

De acordo com Vicente Joel Hernández Navarro, secretário de Saúde daquele Estado, a jovem de 18 anos estava internada em estado grave após o acidente que também causou pelo menos 60 feridos, dos quais mais de 20 estão internados em outros hospitais de Ciudad Madero, município onde ocorreu o acidente.

As autoridades salientaram que às 05:00 de hoje (12:00 em Lisboa), terminaram as buscas por pessoas, "sejam vivas ou mortas", embora continuem os trabalhos para a remoção de escombros.

O telhado da igreja desabou no domingo durante uma cerimónia, sendo ainda desconhecidas as causas, atribuídas preliminarmente a uma falha estrutural.

O Presidente do México Andrés Manuel López Obrador lamentou hoje o acidente e endereçou as condolências aos familiares das vítimas, além de destacar que a sociedade uniu forças com a Proteção Civil, autoridades locais, estaduais e federais no resgate.

O acidente ocorreu por volta das 15:30 de domingo (21:30 em Lisboa), quando famílias compostas por pessoas de todas as idades estavam no local.

O desastre foi tão repentino que não houve tempo para retirar pessoas do local.

O padre Ángel Vargas, que celebrava a missa no momento do desabamento, adiantou aos 'media' locais que havia entre 80 e 100 pessoas na igreja, temendo que o número de mortos ultrapasse o número oficial atual.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+