Tempo
|
A+ / A-

ONU

António Guterres avisa: "colapso climático começou"

06 set, 2023 - 10:55 • Lusa

Verão deste ano é o mais quente jamais registado no Hemisfério Norte.

A+ / A-

O secretário-geral da ONU, António Guterres, alertou esta quarta-feira que "o colapso climático começou", numa reação ao anúncio do verão deste ano como o mais quente jamais registado no Hemisfério Norte.

"Os cientistas há muito que alertaram para as consequências da nossa dependência dos combustíveis fósseis", disse Guterres, citado pela agência francesa AFP.

A Organização Meteorológica Mundial (OMM) e o serviço climático europeu Copernicus anunciaram hoje que a Terra viveu este ano o verão mais quente jamais registado no Hemisfério Norte.

No Hemisfério Sul também foram batidos muitos recordes de calor em pleno inverno austral.

Ondas de calor, secas, inundações e incêndios atingiram a Ásia, a Europa e a América do Norte durante este período, em proporções dramáticas e muitas vezes sem precedentes, segundo os cientistas.

Os extremos meteorológicos custaram vidas humanas e danos para as economias e o ambiente.

"O nosso clima está a implodir mais depressa do que conseguimos aguentar, com fenómenos meteorológicos extremos a atingir todos os cantos do planeta", lamentou Guterres.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • António Costa
    06 set, 2023 Porto 13:17
    Não restam dúvidas que a rainha quer reunir o formigueiro e de nada serve carregar a formiguinha com pesados impostos, condições de vida, rejeições de aglumerados ditando-os a morte por fome, miseria e no reinado da violência, para contrariar esse facto. Não é só a lua que tem uma face oculta, também a temos na terra, todo o ar que respiramos cada dia vem dessa face oculta, onde paira as radiações das explosões atómicas praticadas? Da sujeira praticada pelo homem todos os dias? Todo o fumo dos vulcões? Os homenzinho não compreendem que o jardineiro toma conta do jardim todos os dias a todo o minuto, todo o tempo é cozinhado na face oculta. Processo mal conduzido, tratem de obedecer à rainha e deixem-se de ilusões e fantasias sem pés nem cabeça responsabilizando a formiguinha pela ordem da rainha, que o tempo urge. Engraçado a juventude em que acreditamos existir na terra uma nossa alma gémea, na verdade pode até existir mas em hemisférios diferentes, sendo facto ou não certo é que com a idade a desprezamos. Quem define o campo fértil fa-lo com rigor tendo em conta a humanidade, se essa humanidade ergue muros e fossos já é outro assunto. Na mais pura realidade este planeta maravilhoso está em condições de ser um paraíso para a espécie só o não é pela suberba, unica e exclusivamente, factos. Esta é a realidade sem fantasia alguma. Dia virá em que a rainha dira "aba" e todos compreenderão, não pelo fonema mas sim pela emoção que transmite pois a lingua é, antes de ser, emoção.

Destaques V+