A+ / A-

México. Autoridades encontram 129 migrantes num camião de mercadorias

18 jun, 2023 - 16:59 • Lusa

Quatro alegados contrabandistas de seres humanos foram detidos.

A+ / A-
Foto: Instituto Nacional de Migración/Reuters
Foto: Instituto Nacional de Migración/Reuters
Foto: Instituto Nacional de Migración/Reuters
Foto: Instituto Nacional de Migración/Reuters

As autoridades mexicanas encontraram 129 migrantes de várias nacionalidades amontoados num camião de mercadorias no estado de Veracruz, no leste do país, anunciou este domingo o Instituto Nacional de Migração (INM).

Migrantes “originários da Guatemala, Honduras, El Salvador e Índia” foram localizados na noite de sexta-feira, disse o INM num comunicado citado pela agência francesa AFP.

O INM referiu que 51 dos migrantes, da Guatemala, foram enviados de volta ao país, para a cidade de Tecún Uman (centro). Dezanove menores não acompanhados da Guatemala e das Honduras foram transportados para um centro de acolhimento especial, enquanto os restantes foram levados para um abrigo.

Quatro alegados contrabandistas de seres humanos foram detidos e entregues à Procuradoria-Geral da República, bem como dois veículos que guardavam o camião e que foram apreendidos, noticiou o jornal mexicano Crónica.

Milhares de migrantes de vários países atravessam o México todos os dias para tentar chegar aos Estados Unidos da América. Pelo caminho, são frequentemente vítimas de grupos de crime organizado ou de traficantes de seres humanos.

A região enfrenta um fluxo migratório sem precedentes, com mais de 2,76 milhões de pessoas sem documentos intercetadas pelos Estados Unidos na fronteira com o México em 2022, segundo o Crónica.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+