Tempo
|
A+ / A-

Ataque ao Capitólio. Líder de milícia condenado a 18 anos de prisão

25 mai, 2023 - 18:44 • Ricardo Vieira, com agências

Stewart Rhodes, fundador do grupo “Oath Keepers”, foi considerado culpado de conspiração sediciosa.

A+ / A-

O líder de uma milícia de extrema-direita foi condenado a 18 anos de prisão pelo envolvimento no ataque ao Capitólio dos Estados Unidos.

Stewart Rhodes, fundador do grupo “Oath Keepers”, foi considerado culpado de conspiração sediciosa, entre outros crimes.

O líder dos “Oath Keepers” esteve no exterior do Capitólio, em Washington, a 6 de janeiro de 2021, a coordenar a invasão do congresso dos Estados Unidos.

Esta é a maior sentença aplicada a arguidos julgados por envolvimento no ataque ao Capitólio, após a derrota de Donald Trump nas eleições presidenciais de novembro de 2020.

O Ministério Público pedia 25 anos de prisão para Stewart Rhodes.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+