Tempo
|
A+ / A-

SISMO

EUA prometem mais de 90 milhões de euros em ajuda à Turquia

20 fev, 2023 - 09:25 • Pedro Valente Lima

Garantia é dada pelo secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, que se encontra de visita às regiões afetadas pelo sismo na Turquia.

A+ / A-

O secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, garantiu este domingo um apoio de 100 milhões de dólares (mais de 93 milhões de euros) às vítimas do sismo na Turquia.

Na primeira visita de Blinken ao país da Ásia Menor, o representante dos EUA encontrou-se com o ministro dos Negócios Estrangeiros turco, Mevlüt Çavuşoğlu, com quem pôde visitar algumas das regiões mais afetadas pelo terramoto, como Hatay.

"É verdadeiramente difícil descrever [a devastação] em palavras. Quando se vê a extensão dos danos, o número de edifícios, de apartamentos, de casas destruídas... Terá de haver um esforço enorme para reconstruir, mas estamos comprometidos em ajudar a Turquia nesse esforço", disse Blinken aos jornalistas.

O secretário de Estado realçou ainda que "o mais importante agora é dar assistência às pessoas". "Resumidamente, os Estados Unidos estão aqui."

No entanto, a visita não se deverá só ao terramoto. Blinken visita o país a propósito do alargamento da NATO, nomeadamente quanto ao travão turco à adesão de Suécia e Finlândia ao bloco militar.

Em janeiro, o Presidente turco, Recep Erdoğan, afirmou estar recetivo a uma possível ratificação da candidatura de Helsínquia aliança atlântica.

De acordo com a Reuters, desde o terramoto de 6 de fevereiro, os Estados Unidos já enviaram equipas de busca e salvamento para a Turquia, assim como equipamento médico, equipamentos para remoção dos destroços e ainda 85 milhões de dólares (quase 80 milhões de euros) em ajuda humanitária - que também se destina à Síria.

O secretário de Estado norte-americano garante ainda que o Joe Biden pretende ainda desbloquear 50 milhões de dólares (mais de 46 milhões de euros) de fundos da Assistência de Emergência de Refugiados e Migrantes.

O sismo de 6 de fevereiro, de 7.8 na escala de Richter, afetou o sul da Turquia e o norte da Síria, com as últimas atualizações a confirmar mais de 46 mil mortos. Esta segunda-feira, as autoridades de Ancara deverão dar por terminadas as operações de busca e salvamento, num momento em que cerca de um milhão de turcos se encontram a viver em abrigos temporários.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+