Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Quatro palestinianos mortos e 19 feridos em ataques na Cisjordânia

25 out, 2022 - 05:39 • Lusa

A violência tem aumentado nos últimos meses, no território palestiniano ocupado, especialmente em alguns bastiões de grupos armados onde os soldados israelitas reforçaram as operações.

A+ / A-

Quatro palestinianos morreram e 19 ficaram feridos em ataques das forças israelitas na Cisjordânia ocupada, informou o Ministério da Saúde palestiniano.

O exército israelita não comentou imediatamente o número de mortos, mas confirmou que estava a conduzir uma operação noturna em Nablus.

O presidente palestiniano, Mahmoud Abbas, está a estabelecer "contactos urgentes a fim de pôr fim a esta agressão" em Nablus, disse o seu porta-voz, Nabil Abu Rudeinah, em comunicado.

Nas últimas semanas, um grupo de jovens combatentes palestinianos - alguns filiados em grupos como a Fatah, Hamas e Jihad Islâmica - começou a realizar operações anti-israelitas a partir de Nablus, uma grande cidade na Cisjordânia ocupada.

A violência aumentou nos últimos meses no território palestiniano ocupado desde 1967 pelo Estado hebreu, especialmente nas áreas de Nablus e Jenin, bastiões de grupos armados onde os soldados israelitas reforçaram as operações na sequência de ataques mortais anti-israelitas desde março.

Estes ataques, frequentemente acompanhados de confrontos com a população palestiniana, resultaram em mais de 100 mortes no lado palestiniano, o maior número de mortos na Cisjordânia durante quase sete anos, de acordo com a ONU.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+