Tempo
|
A+ / A-

​Histórico restaurante flutuante afunda-se em Hong Kong

21 jun, 2022 - 16:46 • Ricardo Vieira, com agências

Durante quase cinco décadas de existência, o "Jumbo" terá recebido mais de três milhões de pessoas, entre as quais celebridades como a rainha Isabel II de Inglaterra e o ator Tom Cruise.

A+ / A-
Fotos: Jerome Favre/EPA (clique na seta para percorrer a fotogaleria)
Fotos: Jerome Favre/EPA (clique na seta para percorrer a fotogaleria)

O histórico restaurante flutuante “Jumbo”, um dos símbolos de Hong Kong, naufragou quando estava a ser rebocado para uma nova localização.

O restaurante afundou-se junto às ilhas Paracel, no Mar da China, dias depois de ser retirado do porto de Hong Kong onde estava há quase 50 anos.

A empresa proprietária do “Jumbo” diz estar “muito triste com o incidente” e adianta que ninguém ficou ferido no naufrágio, que aconteceu com condições de mar adversas.

O histórico restaurante flutuante estava encerrado desde março de 2020, devido à pandemia de Covid-19.

Durante quase cinco décadas de existência, terá recebido mais de três milhões de pessoas, entre as quais celebridades como a rainha Isabel II de Inglaterra e o ator Tom Cruise.

O icónico restaurante foi também cenário de vários filmes, incluindo uma película da saga James Bond.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+