Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Kevin Spacey vai comparecer em tribunal acusado de agressão sexual

13 jun, 2022 - 18:21 • Lusa

A audiência num tribunal britânico está marcada para a próxima quinta-feira.

A+ / A-

O ator norte-americano Kevin Spacey foi, esta segunda-feira, formalmente acusado de agressão sexual a três homens e deverá comparecer em tribunal na quinta-feira, anunciou hoje a Polícia Metropolitana de Londres.

Em comunicado, a Polícia Metropolitana recordou que o processo decorre de uma investigação do Serviço de Procuradoria da Coroa britânica e se refere a quatro instâncias de agressão sexual, entre 2005 e 2013, bem como a uma outra acusação por forçar uma pessoa a "atividade sexual com penetração sem o seu consentimento".

A polícia de Londres abriu uma investigação após receber queixas de agressões sexuais contra o ator, algumas das quais alegadamente cometidas na zona de Lambeth, onde se situa o teatro Old Vic, do qual foi diretor artístico entre 2004 e 2015.

A audiência em tribunal está marcada para quinta-feira às 10h00.

Kevin Spacey, de 62 anos, foi visado em vários casos de agressão sexual e comportamento inapropriado em 2017, numa polémica que desencadeou denúncias com outras figuras do entretenimento e esteve na origem do movimento #MeToo.

Kevin Spacey, até então uma figura respeitada do cinema norte-americano e do teatro britânico, vencedor de dois Óscares, acabou despedido da série "House of Cards", da plataforma Netflix, e retirado do filme "Todo o dinheiro do mundo", de Ridley Scott, com todas as cenas onde entrou a serem regravadas por Christopher Plummer.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+