Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Civis já estão a ser retirados de Azovstal, confirma Zelenskiy

01 mai, 2022 - 15:58 • Redação

Garantia foi dada pelo Presidente da Ucrânia, via Twitter.

A+ / A-

Já está em curso a operação das Nações Unidas para a retirada de civis do complexo da Azovstal, em Mariupol. A indicação foi dada inicialmente à agência Reuters por um porta-voz da ONU.

De acordo com esta fonte, os funcionários chegaram à fábrica no sábado. A evacuação do local está a ser coordenada com a Cruz Vermelha e com as autoridades ucranianas e russas.

Entretanto, o Presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy, também confirmou o início da operação. Numa mensagem publicada na rede social Twitter, Zelenskiy diz que uma centena de civis já abandonou a fábrica rumo a um lugar seguro.

As pessoas retiradas da fábrica de Mariupol que queriam ir para regiões controladas pela Ucrânia foram entregues a representantes das Nações Unidas e do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), informou a agência de notícias Reuters citando o Ministério da Defesa da Rússia.

O ministério diz que 80 civis saíram da fábrica da Azovstal depois de semanas sob cerco.

A enorme área industrial é o último reduto das tropas ucranianas na cidade estrategicamente portuária.

Além dos combatentes e civis retidos na siderúrgica Azovstal, na cidade de Mariupol, no sul, também há cerca de 100.000 moradores em outras partes da cidade.

Tentam sobreviver sem água da rede, eletricidade ou gás há semanas.

A Câmara Municipal de Mariupol havia pedido aos moradores para se reunirem num shopping às 16h00, horário local, pois uma retirada da cidade poderia ser possível no domingo.

Agora num post no Telegram, a autarquia deixa claro que a iniciativa foi adiada por razões de segurança até às de 8h00, hora local, de amanhã.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+