Tempo
|
A+ / A-

Avião da TAP vai à Roménia buscar portugueses e luso-ucranianos

28 fev, 2022 - 09:19 • Olímpia Mairos

São cerca de 50 pessoas e deixaram o território ucraniano nos últimos dias.

A+ / A-

Um avião da TAP vai fazer um voo Lisboa-Roménia-Lisboa para retirar mais 50 portugueses e luso-ucranianos que saíram da Ucrânia nos últimos dias.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) deu nota de que, esta segunda-feira, “o voo partirá de Lisboa com destino à Roménia, onde está concentrado um grupo de cerca de 50 pessoas, e regressará a Lisboa no mesmo dia com parte deste grupo”.

O MNE lembrou “que os cidadãos que saiam da Ucrânia e que desejem vir para Portugal devem contactar as Embaixadas de Portugal dos países de trânsito, para atualizar a informação relativa à sua localização e para que possa ser-lhes prestado o apoio de que necessitem”.

Portugal está também a preparar o acolhimento de refugiados ucranianos, mas ainda não definiu quantos vai acolher.

Em declarações à Renascença, a secretária de Estado da Administração Interna, Patrícia Gaspar, disse que tem estado em contacto com as várias estruturas de apoio e que logo à tarde vai reunir-se com o Conselho Português para os refugiados.

O importante é garantir que “à chegada tudo decorre sem constrangimentos e que o acolhimento é feito de forma imaculada para que a integração possa ser feita”, explicou Patrícia Gaspar, acrescentando que nessa perspetiva estão “a trabalhar com as diferentes organizações que acolhem e dão apoio à comunidade ucraniana”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+