Tempo
|
A+ / A-

Migração

Polícia polaca alerta para novas entradas irregulares no seu território

14 nov, 2021 - 12:22 • Lusa

A situação de migrantes na fronteira entre a Bielorrússia e a Polónia está a criar muita tensão entre os dois países.

A+ / A-

A polícia polaca alertou este domingo para novas entradas irregulares de grupos de migrantes no seu território através da fronteira com a Bielorrússia, indicando que um desses grupos era formado por 50 pessoas.

A entrada no território da Polónia aconteceu durante a noite, junto à cidade de Dubicze Cerkiewne, no leste do país, de acordo com informações de fontes policiais divulgadas através da sua conta no Twitter e citadas pela agência Efe.

Num outro ponto da fronteira foram detidos 22 iraquianos, tendo sido contidas outras tentativas de entrada na zona fronteiriça, onde foi decretado estado de emergência e à qual os meios de comunicação social não têm acesso.

As autoridades militares da Polónia alertaram há dias para um aumento do número de migrantes do lado da Bielorrússia, incluindo crianças e mulheres.

Vários milhares de migrantes, com a intenção de entrar no espaço da União Europeia (UE), estão bloqueados há vários dias junto à fronteira da Bielorrússia com a Polónia.

Esta crise migratória levou já o Iraque a suspender os voos diretos para Minsk, uma decisão que foi seguida pela companhia aérea síria.

Também na sexta-feira, a aviação civil turca anunciou que os cidadãos do Iraque, Síria e Iémen não poderão voar dos aeroportos turcos para a Bielorrússia devido à situação na zona fronteiriça.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Cidadao
    14 nov, 2021 Lisboa 14:28
    Se os outros países suspenderam os voos mas os migrantes continuam a chegar, é porque a BieloRussia continua a ir buscá-los, que eles não vêm a pé da Asia até à fronteira da Polónia. Sanções, sanções, sanções. E ajudar a Polónia a guardar a fronteira. Os migrantes? Oferecer-lhes a hipótese de repatriamento e apresentar a conta à Bielorussia que se não pagar, leva com aumento de sanções. Os bombardeiros nucleares? Mera pressão, nada mais. Mas alguém acredita que o Putin cheio de negócios com o Ocidente, vai entrar em guerra com o Ocidente por causa do maluco do Lukashenko?

Destaques V+