Tempo
|
A+ / A-

Frans Timmerman

COP26. Mundo não está "nem sequer perto" dos objetivos

09 nov, 2021 - 20:06 • Lusa

Apesar das “prometedoras declarações” dos países na cimeira do clima, o vice-presidente da Comissão Europeia Frans Timmermans está ainda "muito longe" do objetivo definido.

A+ / A-

O vice-presidente da Comissão Europeia Frans Timmermans alertou, esta terça-feira, que o mundo não está “nem sequer perto” dos objetivos da cimeira do clima de Glasgow, Reino Unido.

Apesar das “prometedoras declarações” dos países na cimeira do clima, COP26, o mundo ainda não está "nem sequer perto do objetivo de evitar" que as temperaturas subam além de 1,5 ºC no final do século.

“Não estamos onde tínhamos de estar, nem sequer perto. Movemo-nos na direção certa, sim, mas o mundo está ainda muito longe do objetivo de 1,5 ºC”, disse o responsável pela política climática da União Europeia.

Frans Timmermans pediu decisões que coloquem a humanidade rumo ao objetivo comum e alertou que isso tem de ser feito rapidamente.

“Financiar a adaptação é crítico”, sublinhou, acrescentando que a COP26 não é lugar para desacordos e mentes estreitas, mas antes um lugar para se trabalhar junto e ter êxito em conjunto.

COP26 continua até sexta-feira


Mais de 120 líderes políticos e milhares de especialistas, ativistas e decisores públicos reúnem-se até 12 de novembro, em Glasgow, na Escócia, na 26.ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas (COP26) para atualizar os contributos dos países para a redução das emissões de gases com efeito de estufa até 2030.

A COP26 decorre seis anos após o Acordo de Paris, que estabeleceu como meta limitar o aumento da temperatura média global do planeta a entre 1,5 e 2 graus celsius acima dos valores da época pré-industrial.

Apesar dos compromissos assumidos, as concentrações de gases com efeito de estufa atingiram níveis recorde em 2020, mesmo com a desaceleração económica provocada pela pandemia de covid-19, segundo a ONU, que estima que, ao atual ritmo de emissões, as temperaturas serão no final do século superiores em 2,7 ºC.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+