A+ / A-

Canadá

Trudeau volta a ganhar as eleições e diz-se pronto a formar Governo

21 set, 2021 - 08:40 • Lusa

O líder dos liberais canadianos ganhou um terceiro mandato, após uma campanha muito difícil nas eleições antecipadas que ele próprio tinha convocado.

A+ / A-

Justin Trudeau, líder do Partido Liberal do Canadá (LP), disse que os eleitores canadianos escolheram "um plano progressivo" e que está pronto para formar um Governo.

O líder dos liberais canadianos ganhou um terceiro mandato na segunda-feira, após uma campanha muito difícil nas eleições antecipadas que ele próprio tinha convocado.

Quando Trudeau se dirigiu à multidão num hotel de Montreal, às 1h30 (5h30 em Lisboa), estavam 91% dos votos contados. O Partido Liberal registava 158 deputados e 31,8% dos votos contados.

Em segundo lugar ficou o Partido Conservador (PC) com 121 deputados, seguido pelo Bloc Québécois (BQ) pró-soberania, com 8,1% dos votos e 31 lugares, e o Partido Social Democrático Novo (NPD), com 17,6% dos votos e 26 lugares.

Além disso, o Partido Verde (PV), com 2,4 % dos votos, terá dois deputados.

Os resultados são quase uma repetição dos obtidos nas eleições de 2019, quando os Liberais ganharam com 157 deputados e os Conservadores se tornaram o principal partido da oposição com 121 lugares.

Trudeau disse aos apoiantes em Montreal que os eleitores tinham dado aos Liberais "um mandato claro", embora não com a maioria absoluta que pediu durante a campanha eleitoral.

Longe de uma maioria absoluta de 170 deputados, o líder Liberal terá de negociar com outras partes, nomeadamente o NPD e o BQ, para levar por diante as suas iniciativas legislativas.

Foi precisamente para sair desta situação minoritária que o partido convocou uma eleição antecipada, em meados de agosto, para tentar recuperar a maioria que tinha perdido dois anos antes.

Trudeau definiu como prioridades sair da crise pandémica, combater a crise climática, melhorar as condições para a classe média e reconciliar-se com os grupos indígenas do país.

"O nosso Governo está pronto", disse, acrescentando: "estou pronto para continuar com o trabalho".

Antes do discurso de Trudeau, o líder do Partido Conservador, Erin O'Toole, admitiu a derrota, mas salientou que os canadianos tinham negado ao primeiro-ministro em exercício uma maioria absoluta.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+