Tempo
|
A+ / A-

"Dor insuportável". Meghan Markle revela ter sofrido aborto

25 nov, 2020 - 13:44 • Redação com Reuters

Num artigo publicado esta quarta-feira no jornal “The New York Times”, a mulher do príncipe Harry conta que o aborto espontâneo aconteceu quando estava a cuidar do filho, Archie.

A+ / A-

Meghan Markle, duquesa de Sussex e mulher do príncipe Harry, conta que sofreu um aborto em julho deste ano, uma revelação pessoal pouco comum de um membro da família real britânica.

Num artigo publicado esta quarta-feira no jornal “The New York Times”, Meghan Markle conta que o aborto espontâneo aconteceu quando estava a cuidar do filho, Archie.

"Eu sabia, enquanto pegava no meu primeiro filho, que estava a perder o meu segundo filho", recorda a mulher do príncipe Harry.

Meghan descreve que sentiu uma dor forte quando tirava Archie do berço e deixou-se cair no chão com o filho nos braços, cantando uma canção de embalar para tentar manter a calma.

“Perdeu uma criança significa carregar uma dor quase insuportável, uma situação vivida por muitas pessoas, mas pouco falada”, refere a duquesa, que descreve os momentos difíceis porque passou o casal e as lágrimas derramadas no hospital.

No artigo publicado no “The New York Times”, Meghan escreve que, apesar de muitas pessoas partilharem a dor de um aborto, o tema continua a ser tabu na sociedade, “perpetuando um ciclo de luto solitário” e “vergonha (injustificada)”.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+