Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Dados do INE

Turistas não residentes mais que duplicam em 2022, mas abaixo dos níveis pré-pandemia

06 jul, 2023 - 14:05 • Lusa

Maioria dos turistas é oriunda de Espanha, seguida de França, indica relatório Estatísticas do Turismo 2022 do INE.

A+ / A-

Portugal recebeu 22,3 milhões de turistas não residentes em 2022, um crescimento de 131,4% face a 2021, mas 9,6% abaixo dos 24,6 milhões de turistas acolhidos no ano pré-pandémico de 2019, divulgou o Instituto Nacional de Estatísticas (INE) esta quinta-feira.

"Depois de dois anos em que o setor do turismo foi fortemente afetado pela pandemia Covid-19, o ano de 2022 foi significativamente marcado pelo regresso dos turistas estrangeiros a Portugal, aproximando-se dos valores recorde de 2019 nos principais indicadores", refere o INE nas `Estatísticas do Turismo 2022`.

De acordo com o instituto estatístico, "o mercado espanhol manteve-se como principal mercado emissor de turistas internacionais (quota de 25,8%), tendo crescido 97,4% face ao ano anterior".

O mercado francês continuou em segundo lugar, com uma quota de 13,3% e com um crescimento de 91,1%, enquanto o Reino Unido completou o pódio de emissores de turistas, com 13,2% do total, e com uma subida de 186,8%.

Considerando a generalidade dos meios do alojamento turístico (hotelaria, turismo no espaço rural/habitação, alojamento local, campismo e colónias de férias e pousadas da juventude), em 2022 registaram-se 28,9 milhões de hóspedes e 77,2 milhões de dormidas, traduzindo-se em aumentos de 80,7% e 81,1%, respetivamente (+36,9% e +40,7%, pela mesma ordem, em 2021), "ficando ligeiramente abaixo dos níveis de 2019 (-2,2% e -0,8%, respetivamente)".

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+