Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

INE

Habitação. Rendas sobem 1,9% por metro quadrado em dezembro

12 jan, 2022 - 12:37 • Lusa

Segundo dados do INE, "todas as regiões apresentaram variações homólogas positivas", sendo que no Algarve foi registado um maior aumento.

A+ / A-

As rendas das casas por metro quadrado aumentaram 1,9% em dezembro face ao mesmo mês de 2020, valor idêntico ao do mês anterior, e registaram uma variação média anual de 1,8% em 2021, divulgou o INE nesta quarta-feira.

Segundo o destaque do Instituto Nacional de Estatística (INE) relativo ao Índice de Preços no Consumidor (IPC), em dezembro "todas as regiões apresentaram variações homólogas positivas das rendas de habitação, tendo o Algarve registado o aumento mais intenso (2,2%)".

Quanto ao valor médio das rendas de habitação, registou uma subida mensal de 0,1%, taxa inferior em 0,1 pontos percentuais à do mês anterior.

A região com a variação mensal positiva mais elevada foi o Algarve, com uma taxa de 0,3%, não se tendo observado nenhuma região com variação negativa no respetivo valor médio das rendas de habitação.

Considerando o conjunto do ano 2021, a variação média anual do valor das rendas de habitação por metro quadrado de área útil fixou-se em 1,8% (2,6% em 2020).

A região com a variação média mais elevada foi a de Lisboa (1,9%), tendo todas as restantes regiões apresentado variações positivas. .

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+