Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

TAP paga subsídio de férias e anuidades aos trabalhadores da Groundforce

21 jul, 2021 - 19:10

Ministério das Infraestruturas vê agora "reunidas as condições para uma resolução definitiva da instabilidade que se vive na empresa".

A+ / A-

A TAP vai pagar o subsídio de férias aos trabalhadores da Groundforce, anunciou esta quarta-feira o Ministério das Infraestruturas.

"Foi comunicado hoje, em reunião com sindicatos da Groundforce, que a TAP vai proceder ao pagamento do valor correspondente ao subsídio de férias e às anuidades em atraso diretamente aos trabalhadores da Groundforce", refere um comunicado do gabinete do ministro Pedro Nuno Santos.

A TAP vai também garantir que a Groundforce tem dinheiro para pagar atempadamente os salários dos trabalhadores relativos ao mês de julho, ao "abreviar o pagamento definido contratualmente para saldar a fatura relativa a serviços prestados em junho".

Esta solução para os problemas imediatos da empresa de handling acontece "no seguimento da decisão do juízo central cível de Lisboa, que declarou improcedente a providência cautelar interposta pela Pasogal para impedir o Montepio de alienar a participação na Groundforce".

O Ministério das Infraestruturas vê agora "reunidas as condições para uma resolução definitiva da instabilidade que se vive na empresa", que esteve em greve no último fim de semana, obrigando ao cancelamento de 600 voos.

"O Governo tem a expetativa que a venda por parte do Montepio das ações da Pasogal que tem em sua legitima posse terá um desfecho positivo nos próximos dias. No entanto, caso essa venda não se concretize muito em breve, o Governo avançará de imediato com as ações necessárias para garantir a mudança acionista indispensável para a viabilização da empresa", sublinha o gabinete do ministro Pedro Nuno Santos.

A alteração da estrutura acionista "permitirá também cumprir com o que é devido aos trabalhadores, nomeadamente, em matéria de progressões na carreira", conclui.

Tópicos
Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • EU
    21 jul, 2021 PORTUGAL 20:36
    Será a TAP ou o ZÉ POVINHO a pagar? Este Ministro é o VERDADEIRO comunista com capa de socialista. Lembram-se dos Motoristas de pesados?. É o mesmo. Depressa a BAZUCA EUROPEIA vai explodir. Até lá.

Destaques V+