Tempo
|
A+ / A-

Pedro Santos Guerreiro

Prémios à gestão do Novo Banco? Sem noção, respeito e moral

05 mai, 2021 - 22:28

Prémios milionários no Novo Banco são "falta de noção e de respeito" pelos contribuintes portugueses e pelas centenas de trabalhadores da instituição que foram despedidos, afirma o jornalista Pedro Santos Guerreiro no espaço de comentário diário na Renascença

A+ / A-
Prémios milionários no Novo Banco são "falta de noção e respeito"
Prémios milionários no Novo Banco são "falta de noção e respeito"

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • António dos Santos
    07 mai, 2021 Coimbra 17:09
    Como é possível?!! A administração é paga principescamente, para a sua qualidade de trabalho e de resultados. Se vierem a receber este prémio, é um ROUBO aos portugueses. Só por colocarem o prémio, estes incompetentes deviam ser demitidos IMEDIATAMENTE.
  • João
    07 mai, 2021 Viseu 11:37
    Agostinho de Hipona (354-430): «Um Estado que não se regesse segundo a justiça, reduzir-se-ia a um bando de ladrões». A situação atual em Portugal envergonha a gente de bem… Eles comem tudo...e não deixam nada!
  • Petervlg
    07 mai, 2021 Trofa 07:30
    As pessoas que fizeram cair o BES, ainda continuam lá dentro, estão à frente das direções, apenas saíram alguns conhecidos, como Ricardo Salgado, ou acham que o que aconteceu ao BES é só culpa dele(Ricardo Salgado).

Destaques V+