A+ / A-
Liga das Nações

Fernando Santos explica como fez o "puzzle" da convocatória

23 mai, 2019 - 12:37 • Redação

O selecionador nacional fala de um "mata-mata" imediato frente à Suíça. Equipa preparada para lutar pelo título da Liga das Nações.
A+ / A-

Há vários jogadores que preenchem os requisitos exigidos para estar na seleção portuguesa e Fernando Santos assume que a escolha torna-se ainda mais difícil, ao ponto de ter de ser ele a pegar nas peças para fazer o "puzzle" final.

"O primeiro critério é a qualidade técnica a tática. O segundo é o compromisso com o grupo. A assiduidade e o ritmo competitivo é o critério seguinte, porque há muitos a cumprir os dois primeiros. Quando temos todos os que preenchem todos os requisitos, o selecionador tem de fazer um 'puzzle'", explica o treinador, em conferência de imprensa.

Foi assim que Fernando Santos chegou aos 23 nomes que integram a convocatória para a "final four" da Liga das Nações. Uma convocatória feita, naturalmente, com o objetivo de "ganhar a competição".

Recuperação mental

No fim de uma época, o desgaste acumulado nota-se e Fernando Santos sublinha que a prioridade é recuperar os jogadores, não só fisicamente mas, sobretudo, a nível mental. "A recuperação mental é determinante. Na primeira semana só vamos ter treinos, como se estivéssemos num clube [sem estágio]. No domingo [2 de junho] é que nos vamos concentrar", revela.

O selecionador aplica a fórmula desenvolvida nas últimas fases finais disputadas por Portugal, numa competição diferente das anteriores.

"Mata-mata" imediato

A grande diferença em relação às outras competições é que neste caso não há margem de erro. "É uma prova diferente. É um 'mata-mata' imediato. Temos de ganhar para estar na final", observa.

Portugal defronta a Suíça, nas meias-finais, a 5 de junho, e se vencer disputa o troféu, no dia 9 de junho, domingo, com Holanda ou Inglaterra.

"A Suíça é um adversário de grandíssima qualidade. Eliminou a Bélgica e apurou-se de forma categórica. É uma equipa que nós também conhecemos bem, mas eles também nos conhecem bem", avalia o selecionador.

O Portugal-Suíça, que se realiza no Dragão, tem relato na Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.