A+ / A-

Prémio Casino da Póvoa já tem finalistas. Saiba quais as obras selecionadas

11 fev, 2019 - 12:01 • Redação

O prémio irá ser atribuído durante o Correntes d’Escritas, que vai decorrer a partir do próximo fim de semana.
A+ / A-

Já são conhecidas as obras finalistas do Prémio Literário Casino da Póvoa, atribuído no âmbito do 20º Correntes d'Escritas. A informação foi enviada à Renascença nesta segunda-feira pela Câmara local.

A concurso estiveram 45 livros de poesia, dos quais o júri selecionou 12. São eles:

  • “A Noite Imóvel”, Luís Quintais, Assírio & Alvim
  • “Tratado”, Luís Carmelo, Abysmo
  • “Bandolim”, Adília Lopes, Assírio & Alvim
  • “De Passagem”, José Alberto Oliveira, Assírio & Alvim
  • “Existência”, Gastão Cruz, Assírio & Alvim
  • “Nadar na piscina dos pequenos”, Golgona Anghel, Assírio & Alvim
  • “Não É Grave Ser Português”, João Rios, Abysmo
  • “Oblívio”, Daniel Jonas, Assírio & Alvim
  • “Rua antes do Céu”, José Luís Tavares, Abysmo
  • “Suite sem Vista”, Inês Fonseca Santos, Abysmo
  • “Tardio”, Rosa Oliveira, Tinta da China
  • “Teoria da Fronteira”, José Tolentino Mendonça, Assírio & Alvim.

O júri é constituído por Almeida Faria, Ana Paula Tavares, José António Gomes, Maria Quintans e Marta Bernardes.

A reunião final está marcada para dia 18, segunda-feira, véspera do anúncio do vencedor do prémio.

A entrega terá lugar na cerimónia de abertura da 20ª edição do Encontro de Escritores de Expressão Ibérica, no dia 19.

O Correntes d’Escrita, festival no âmbito do qual este prémio literário é atribuído, vai decorrer de 16 a 27 de fevereiro.


guialiga19_20_banner
Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.