A+ / A-

Rio Ave. Revelados nomes dos quatro jogadores constituídos arguidos

28 dez, 2017 - 20:40

Cássio, Roderick, Marcelo e Nadjack estão sob suspeita de corrupção na actividade desportiva, revelou a SIC. Marcelo é um dos alvos prioritários do Sporting para Janeiro.
A+ / A-

A SIC revelou, esta quinta-feira, os nomes dos quatro jogadores do Rio Ave constituídos arguidos por alegadamente terem aceitado pagamento para perder um jogo com o Feirense, da I Liga, na temporada passada.

Segundo avançara o canal televisivo, quatro jogadores do Rio Ave foram constituídos por, alegadamente, terem sido pagos para perderem o jogo com os "fogaceiros". A partida, da temporada passada, disputada a 6 de Fevereiro, terminou com derrota, por 2-1, dos vila-condenses.

O Ministério Público já tinha confirmado que quatro jogadores tinham sido constituídos arguidas, por "suspeitas da prática do crime de corrupção na actividade desportiva”, embora não os tivesse identificado.

Agora, a SIC adianta os nomes dos quatro atletas: o guarda-redes Cássio, os centrais Marcelo (alvo do Sporting para a reabertura de mercado, em Janeiro) e Roderick Miranda e o lateral Nadjack terão sido abordados por intermediários ligados à manipulação de resultados e aliciados a ajudarem à derrota com o Feirense, na 20.ª jornada, a 6 de Fevereiro.

Roderick milita, actualmente, no Wolverhampton Wanderers, do segundo escalão inglês. Os restantes elementos continuam em Vila do Conde. Se forem condenados, podem ter de cumprir até 10 anos de pena de prisão.

Ainda conforme o referido canal, foram encontrados fortes indícios de que os quatro jogadores teriam recebido dezenas de milhares de euros de várias casas de apostas, para que o Rio Ave perdesse o encontro.

Na altura, o Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa suspendeu as apostas para essa partida, dado o "volume atípico de apostas registados", nomeadamente alegada aposta de 100 mil euros de um apostador proveniente da China, "e ao risco financeiro envolvido".


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • antirouge
    30 dez, 2017 Setúbal 22:08
    O polvo está cada vez maior e a ficar cada vez mais vermelho, (de vergonha !).
  • antirouge
    30 dez, 2017 Setúbal 18:38
    Esse polvo deve ter muitos tentáculos e a cabeça do mesmo deve andar muito ao de cima!