A+ / A-
Primeira Liga

Invasão de campo e agressão a Pizzi. FC Porto escapa a jogos à porta fechada

19 dez, 2017 - 18:13

Decisão do Conselho de Disciplina da Federação. Possibilidade de interdição do Dragão cai por terra. Dragões sancionados apenas com multa de perto de três mil euros. Benfica confessa "surpresa" por "ausência de duro castigo".
A+ / A-

O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) decidiu não punir o FC Porto com a realização de jogos à porta fechada, na sequência da invasão de campo de um adepto azul e branco e posterior agressão a Pizzi, nos instantes finais do clássico com o Benfica, realizado no passado dia 1 de Dezembro.

O órgão disciplinar federativo aplicou apenas uma multa de 2.860 euros aos dragões. Os azuis e brancos escapam, assim, à possibilidade de interdição do seu recinto a espectadores, que poderia ir até dois jogos.

O que diz o acórdão do CD da FPF?

O referido adepto, José Pereira, invadiu o relvado do Dragão, na recta final do desafio da Primeira Liga, "fintando" os assistentes de recinto e agredindo Pizzi, médio das águias, com uma carga pelas costas.

Ambos os clubes já foram notificados, através de um acórdão do CD da FPF, no qual se percebe que a decisão se baseia nos relatórios de árbitro, delegados da Liga Portugal e polícia.

No texto, dá-se como comprovado que José Pereira invadiu o terreno de jogo, durante um desentendimento nas imediações da área técnica afecta aos tetracampeões nacionais e que "empurrou Pizzi", ainda que não tenha causado uma "lesão de especial gravidade". Depois, seria imobilizado pelos "stewards", sendo posteriormente entregue às forças da autoridade.

Ora, o órgão presidido por José Manuel Meirim suporta-se no ponto 2 do artigo 182º do Regulamento Disciplinar da Liga Portugal, que estabelece esse cenário de uma agressão que não cause a tal "lesão de especial gravidade".

Assim sendo, conclui o CD, o clube em causa "é punido com a sanção de multa de montante a fixar entre o mínimo de 25 UC [2.550 euros] e o máximo de 100 UC [10.200 euros]".

Benfica reage com "surpresa" por "ausência de duro castigo"

Entretanto, através da BenficaTV, o emblema da Luz não escondeu a "surpresa" face ao desfecho do processo disciplinar aberto ao FC Porto.

As águias "não se conformam com a ausência de um duro castigo" e anunciaram ter já requerido o acesso aos relatórios policiais e dos delegados da Liga.

[notícia actualizada às 22h28: reacção do Benfica]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Agostinho Vieira C
    20 dez, 2017 USA 00:08
    So uma palavra para estes benfiquistas ,,,reles ,,, hipocrisia ,,, dos dirigentes ,dos jornalistas ,,doentes .. e da ,,raia muida de adeptos ,,,nao todos como e logico ,,mas infelizmente a ,,grande maioria deles ,,pura e simplesmente ,,reles e hipocritas e carregados de mania que sao os maiores ,,, sim sao muitos sao a maioria ,,mas ,, e,,, tambem pela ,,negativa ,,,lobos com ar de ,,cordeirinhos ,,, e ,,trafulhas do ,,pior que ,existe
  • Alexandre Fonseca
    19 dez, 2017 Odivelas 22:38
    Segundo eles,os da santa aliança,o Benfica é que manda nisto tudo.Ele, é por causa dos "emails" ou por causa dos "voicheres". O Benfica é o "polvo" que tem tudo controlado.Mas no fim de contas,os benefíciados tem sido sempre eles.Será que a "justiça" tem medo deles ??
  • paulo
    19 dez, 2017 amadora 22:19
    se fosse ao contrario já ladravam pelo sumarissimo, reparem que em quase todos os jogos do campeonato nacional é sempre um expulso da equipa adversária, parece que não mas dá um jeitão pá carago
  • Rui Martins
    19 dez, 2017 Braga 22:15
    O artigo 182 só se aplica a espectadores, jornalistas e outras pessoas que nada tenham a ver com o jogo. O único artigo que poderia ser aplicado era o 181. Porque houve um empurrão a um agente desportivo. Ma Meirim é um COBARDE.
  • francisco
    19 dez, 2017 lisboa 21:42
    e prontos ( como diz a malta) está resolvido, mas o que me cheira é que se esta ocorrência fosse no Benfica!!!!!!! outro galo cantaria, era o fim do mundo. Enfim já conhecemos os farsantes.
  • Arm Rodrigues
    19 dez, 2017 Aveiro 21:36
    Agressão? Mas que raio de jornalistas temos no sapo?
  • Lampião
    19 dez, 2017 Lisboa 21:33
    Isso dá legitimidade para fazermos o mesmo!!
  • GONçALVES
    19 dez, 2017 SUISSE 21:31
    SE FOSSE:UM BRAGA OU GUIMARAES RIO AVE ,ETC... NO MINIMO UM JOGO A PORTA FECHADA.ESPERAMOS QUANDO ACONTECER COM CLUBES DITOS PEQUENOS SE ESTES PALHAçOS VAO TER A MESMA ATITUDE
  • macid
    19 dez, 2017 lisbboa 21:02
    tanto alarido para nada se fosse ao contrario a casa vinha abaixo
  • Tony Macedo
    19 dez, 2017 London 20:33
    sera que o meu comentario anterior a este,nao vos da jeito de o publicar por ser contra a podridao que vai por essas instancias desportivas em favor dos corruptos do norte?ou sera que estamos na republica das bananas futebolistica?