Emissão Renascença | Ouvir Online

Mais de 90 mil pessoas pedem fim das comissões nas contas à ordem

17 set, 2013

Anteriores tentativas da DECO não deram o resultado pretendido. Desta vez, a associação dirige-se directamente aos deputados.

A DECO recolheu mais de 90 mil assinaturas numa petição para exigir o fim das comissões bancárias nas contas à ordem. 

O secretário-geral da Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor, Jorge Morgado, explica que se recorre aos deputados porque os alertas anteriores não deram em nada: “É um problema que achamos que deve ser discutido pela Assembleia da República, cujas decisões devem ser assumidas, porque as tentativas que fizemos no passado ainda não tiveram resultados". 

Em causa nesta reclamação está é a cobrança de comissões nas contas à ordem, que penaliza, sobretudo, os consumidores com menos dinheiro no banco. “Uma pessoa que tenha um saldo médio de 500 euros paga, por ano, à volta de 60 euros de comissão bancária, maas uma pessoa que tenha um saldo médio de 3.500 euros pode pagar só 12,60 por ano", exemplicifa Jorge Morgado, sublinhando que "há, aqui, uma questão de injustiça relativa.”

O documento vai ser entregue à presidente da Assembleia da República pelas 17h00.