Tempo
|

Évora

D. José Alves convida fiéis a anunciar o Natal aos novos pobres

21 dez, 2011

História do Natal é actual mas é preciso fé para a viver verdadeiramente, afirma arcebispo.

D. José Alves convida fiéis a anunciar o Natal aos novos pobres
O Arcebispo de Évora, D. José Alves, convida os fiéis a procurar as novas expressões de pobreza, para poder viver o Natal anunciando Jesus a quem mais precisa.

“Aqueles que pouco ou nada têm e não se abrigam apenas nas grutas de animais. Também os podemos encontrar em barracas, nas camas dos hospitais, nos estabelecimentos prisionais, no vão das escadas (…), nos rostos das crianças carenciadas de afecto e de esperança, nos corações dilacerados pelo abandono e em tantos seres humanos que vagueiam sem rumo no mar alto da vida”, afirmou o bispo.

D. José Alves afirma ainda que para se viver verdadeiramente o Natal, a mais “profusa e insistentemente anunciada” festa da nossa sociedade, é necessário ter a fé daqueles que partiram para ir ver o menino Jesus, em Belém.

“Só quem escutou a palavra do anúncio, acreditou nela, se pôs a caminho e encontrou o que lhe fora anunciado poderia reconhecer naquela criança o Salvador, adorá-lo e oferecer-lhe presentes, como prova inequívoca de gratidão e amor sincero”, refere.

D. José Alves termina a sua mensagem apontando para a actualidade do Natal nos nossos dias: “O mesmo Salvador que nasceu em Belém, ‘hoje’ continua a nascer na vida daqueles que escutam o anúncio, o reconhecem revestido de humanidade e lhe fazem as suas ofertas, como os pastores e os magos fizeram a Jesus, Filho de Deus e de Maria”.

A mensagem completa pode ser lida aqui