Emissão Renascença | Ouvir Online

Soares dos Santos dá razão a António Borges

30 set, 2012

Também o presidente do BES Investimento lamenta que aqueles que criticaram a descida  da taxa social única não “tenham avançado com medidas alternativas”.

Soares dos Santos dá razão a António Borges
Alexandre Soares dos Santos concorda com António Borges. O patrão da Jerónimo Martins considerou ainda assim infelizes as acusações do consultor do Governo para as privatizações ao chamar “ignorantes” aos empresários portugueses que criticaram a intenção de mexer na taxa social única (TSU).

“O que interessa é que 90% do que disse foi muito bem dito, teve nível, portanto, vamos falar nisso". No entanto, [essa parte] foi infeliz, se quer que lhe diga”, reconheceu Alexandre Soares do Santos, à margem do Fórum Empresarial do Algarve.

O homem mais rico de Portugal desvaloriza as declarações de António Borges sublinhando que “a gente também muitas vezes usa palavras infelizes, porque houve alguma coisa que nos irritou no momento”.

De recordar que António Borges faz parte do conselho de administração do conselho de administração da dona do Pingo Doce, com funções não executivas, desde Março de 2012.

Em relação à reacção de António Saraiva, presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP), Soares do Santos diz que “não se faz”. “Dizer que ele nunca seria consultor, bom, vamos ter respeito por um homem que foi reitor do INSEAD.”

Na mesma linha vão as declarações de José Maria Ricciardi. O presidente do BES Investimento lamenta que aqueles que criticaram a descida da taxa social única não “tenham avançado com medidas alternativas”.