Tempo
|

UNESCO quer parar obras barragem de Foz Tua

15 mai, 2012

Portugal é criticado por não ter prestado informações sobre construção de barragens na altura do processo de candidatura do Douro Vinhateiro.

O Comité do Património Mundial da UNESCO prepara-se para pedir a interrupção das obras de construção da barragem de Foz Tua e defender uma missão conjunta, para analisar a situação da área de paisagem classificada do Alto Douro Vinhateiro, que é património mundial.

O relatório deveria ser apresentado até ao final de Janeiro próximo, segundo avança o “Público”.

Estas são as principais exigências que o comité  se prepara para adoptar na sua reunião de Junho, relativamente ao caso da construção da barragem da EDP na foz deste afluente do rio Douro.

O tema gerou polémica no último ano, quando a UNESCO ameaçou retirar a classificação de património mundial. No final de 2011, a ministra do Ambiente garantiu já não existirem travões para a construção da barragem. Assunção Cristas alegava que para voltar atrás nos contratos seria necessário desembolsar largas centenas de milhões de euros.