A+ / A-

Taça de Portugal

Rúben Amorim quer fazer história pelo Sporting e dá o onze do FC Porto

25 mai, 2024 - 16:04

A final da Taça de Portugal entre leões e dragões está marcada para domingo, a partir das17h15.

A+ / A-

O treinador do Sporting, Rúben Amorim, fez a antevisão da final da Taça de Portugal, deu o onze do FC Porto, falou de Conceição e da frase de Varandas e não esqueceu a Seleção.

Fazer história

"Mais do que conquistas individuais - e queremos ganhar muito -, a dobradinha para o Sporting é muito mais importante. Esta equipa tem de tornar esta época especial. Os recordes são importantes, mas valem pouco, o que interessa são as vitórias, e mais frente a um treinador que ganhou mais do que ninguém em Portugal. Fizemos uma semana muito boa. Estou muito confiante que vamos fazer história no clube amanhã e vamos continuar o nosso caminho".

Ganhar como jogador e treinador

"Vou continuar no Sporting. Há uma responsabilidade diferentes como treinador e poderá ser mais especial amanhã por o meu papel ser muito mais abrangente, estamos a um jogo de fazermos algo que no Sporting não é feito há 22 anos. Amanhã, no fim do jogo, se tudo correr bem pode ser muito especial para mim".

Frase de Varandas

“Foi uma conversa de balneário, não devia ter saído cá para fora. Se fosse eu [treinador adversário], essa frase estaria no ecrã na Academia todos os dias. Quentinho vai ser sempre, pelos treinadores que gostam sempre de ganhar, pelos jogadores. Se for de uma forma positiva e não de grandes confusões, vai dar mais sumo à final. As pessoas deviam estar contentes por ser uma final quentinha, com sumo. Mas que corra tudo bem, que ninguém se magoe e não haja confusão fora do estádio. Dentro do campo não vai haver."

Onze do FC Porto

"Acima de tudo um FC Porto forte - espero que Pepe jogue, o selecionador convocou-o por isso deve estar recuperado; Taremi acho que não. O mister Conceição é sempre muito inteligente nestes momentos. Acho que na frente vai jogar o Evanilson, o Galeno e o Francisco Conceição. Depois o Pepê o Varela, o Nico. O Pepe vai jogar, o Diogo Costa vai jogar, João Mário poderá jogar. Defesa esquerdo será o Wendell e o Otávio. Acho que é esse o onze, terá a palavra Sérgio Conceição amanhã. Sei como vai correr o jogo. Sei que vai ser muito difícil, não interessa nada o que aconteceu no campeonato. Vamos estar preparados para o melhor FC Porto".

Sérgio Conceição

"O que posso fazer é falar do mister Conceição, muito difícil de bater. Gostaria que ficasse cá porque é um treinador que evolui muito a jogar contra ele; gostaria que fosse embora porque é muito chato nesse aspeto. Aprendi muito, foi o mais difícil de bater. Podemos melhorar muita coisa, não podemos relaxar do que fizemos este ano, mudar algumas dinâmicas, um treinador tem de estar sempre em evolução".

Baixas

"Matheus Reis não está apto. O Geny está apto, foi convocado. Adán não está apto. O resto acho que está tudo apto. Com o Diogo Pinto não tivemos uma preparação diferente.

Convocatória da Seleção

“Em relação à Seleção, é difícil tirar um jogador para pôr os do Sporting e o contrário também se aplica. Devemos ser claros com os jogadores: não teve a ver com os timings ou estágios - Pote e Trincão não terem sido escolhidos foi porque as escolhas foram outras. O caminho é tornarem-se melhores jogadores, não há que pensar que têm de mudar de clube para irem à seleção. O que têm de pensar é serem melhores jogadores, defender melhor, marcar mais. Vai começar a vida nova a seguir. Não se podem esconder atrás de outras razões, simplesmente o selecionador prefere outros jogadores a eles".

Pressão

"Vão ser as duas equipas a querer ganhar e isso vai ser um dos segredos do jogo. Ganhámos o campeonato, mas temos de sentir a mesma pressão de uma equipa que não ganha nada. Não ganhámos nenhum título na época passada. O Sérgio Conceição falou nas cervejinhas, não lhe faria mal estar um ano sem beber as cervejinhas. As duas equipas vão entrar pressionadas, estão habituadas a ganhar."

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+