Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Sporting

Vencer o dérbi e não ser campeão? "Seria um falhanço": Fernando Mendes e as contas simples dos leões

03 abr, 2024 - 15:40 • João Filipe Cruz

O antigo defesa vê o Sporting "favorito" no próximo dérbi e deixa aviso: ”Houve quem perdesse tudo em 15 dias. Não pode haver fanfarronice“.

A+ / A-

Com a passadeira verde para o Jamor estendida, é tempo de olhar para o próximo dérbi, que pode ser decisivo para as contas do campeonato. Bola Branca conversou com Fernando Mendes, que apela à tranquilidade entre as hostes leoninas.

"Como ex-jogador, estou habituado a discutir taças e campeonatos. Não assim há tanto tempo, houve quem perdesse tudo em 15 dias. Não pode haver fanfarronice. Um objetivo está cumprido, o de chegar à final da Taça de Portugal. [Dobradinha] era excelente, mas nada está ganho", alerta o ex-leão.

Para o antigo jogador do Sporting, a matemática do campeonato é relativamente simples, desde que seja a somar. "Se vencer fica com quatro pontos de vantagem, que podem passar a 7 se ganhar ao Famalicão", aponta, sobre o jogo em atraso.

Com a certeza de que o leão parte como favorito "porque joga em casa", Fernando Mendes reconhece que, se vencer, acabando a época sem título "seria um falhanço".

O antigo defesa admite que o Sporting sofreu na Luz esta terça-feira, teve "períodos complicados", sobretudo com "perdas de bolas fáceis" e está seguro de que o Benfica vai com tudo para o segundo dérbi da semana.

Sobre a exibição menos conseguida, Fernando Mendes não está preocupado porque o Sporting "tem demonstrado que é a melhor equipa" e acrescenta que o cansaço, nesta altura da época e estando os leões na luta por títulos, "é normal".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+